Ele e Ela

Você sempre soube que era ela.

Você talvez não se lembre bem, mas a primeira vez que olhou para ele viu algo diferente.

Seu medo nunca permitiu que se aproximassem.

Você sabia que era ela, mas tinha medo de não ser bom o suficiente para ela.

Você sabia que era ele, mas não tinha graça porque ele gostava de você.

Você sempre teve muito medo de machucá-la.

Você sempre preferiu os caras que te machucassem.

 

Talvez na sua insanidade, naqueles segundos em que você lia repetidamente aquelas mesmas poucas palavras, você chegou realmente a acreditar que era ela quem compreenderia o que você carrega aí dentro.

E algum dia você vai olhar para trás e perceber que sim, ela poderia ter compreendido a sua sombra e te aceitado além da dor que carrega.

 

Talvez quando ele finalmente encontrou um jeito, meio desajeitado, de te contar. Você fugiu, escapou rapidamente pelas vielas dos conselhos de quem nunca sentiu.

E algum dia você vai perceber que ele era “O” cara e que voce esnobou sua felicidade para correr atras de quem fingia te amar.

Mas agora é tarde você se casou e todas as noites depois de cumprir com sua chata rotina, se lembra dela e pensa se tudo não seria diferente.

Mas agora é tarde ele se casou e você chora rolando na cama todas as noites.